Museu do Café: uma joia preciosa no centro de Santos

TEXTO E FOTOS: Adriana Ruiz

A maioria das pessoas pensa em sol e praia quando o assunto é a cidade de Santos, no litoral sul paulista. E não há nada de errado com isso. Mas a cidade, um dos mais populares destinos turísticos do Estado de São Paulo, oferece muito mais para quem se interessa em conhecê-la melhor.

Santos é uma cidade bonita, acolhedora e muito importante para a história e a economia do Brasil, principalmente em razão do seu porto, por onde chegam e saem todos os tipos de produtos.

Painel que integra o acervo do Museu do Café

 

E uma das evidências dessa importância se vê no edifício magnífico onde hoje funciona o Museu do Café, local originalmente destinado a ser a Bolsa Official de Café (sim, com dois “effes”). Inaugurado em 1922, lá se conduziam as negociações que determinavam as cotações diárias das sacas de café até a década de 1950.

Os visitantes do museu podem apreciar os aspectos arquitetônicos e artísticos da construção feita com materiais nobres, seu mobiliário de madeira de lei, obras de arte e um vitral do artista Benedicto Calixto (1853-1927).

Também é possível ler sobre a história do café, desde que os portugueses trouxeram o grão para cultivo no Brasil até os dias de hoje, com informações organizadas numa linha temporal com ilustrações, fotos e mapas na exposição “Café, Patrimônio Cultural do Brasil: Ciência, História e Arte”.

Utensílio exposto no local

 

O museu possui um acervo de maquinários, utensílios e cafeteiras usados em diversas épocas no plantio, colheita, torrefação e na produção dessa bebida tão apreciada. Dessa forma, o espaço mostra, em todos os aspectos, a importância da cafeicultura para o desenvolvimento político, econômico e cultural do país.

No andar térreo há uma cafeteria onde é possível tanto degustar uma deliciosa xícara de café, com a possibilidade de escolher o tipo de grão a ser usado no preparo do seu espresso, ou comprar vários tipos especiais de café para levar para casa. Para os mais aventureiros e que não se importam com o preço, entre as opções está o Jacu Bird Coffee, bebida feita com grãos de café retirados das fezes do pássaro Jacu (custa R$ 25 a xícara).

Lata do Jacu Bird Coffee, com grãos de café retirados das fezes do Jacu

 

SERVIÇO

  • O Museu do Café fica na Rua XV de Novembro, 95, no centro histórico de Santos, e abre de terça à domingo, das 9h às 17h, e aos domingos, das 10h às 18h. A Cafeteria do Museu funciona de segunda à sábado, das 9h às 18h, e aos domingos, das 10h às 18h.
  • Há visitas orientadas e atividades especiais para grupos como terceira idade e deficientes, com agendamento pelo e-mail agendavisitas@museudocafe.org.br ou pelo telefone (13) 3213-1756.
  • Mais informações: www.museudocafe.org.br

Em tempo: a Cafeteria do Museu foi considerada pela revista Veja o melhor lugar para se tomar um café na Baixada Santista por sete anos consecutivos (2007-2013), e recebeu da Associação Brasileira da Indústria de Café (ABIC) o status Premium.

Share this article

LALÁ RUIZ, jornalista, curiosa e apaixonada por cultura, comida e viagens, sem qualquer coerência no quesito preferência. Nascida em São Paulo, Capital, e radicada em Campinas, interior paulista, formada em Comunicação Social pela PUC-Campinas e trabalhou durante 26 anos na mídia impressa da cidade, tendo atuado nos jornais Correio Popular, Diário do Povo e Notícia Já.

Post a comment

Facebook Comments